APP DA CLUBEClique e baixe o novo app da Clube para sistema Android

Polícia Civil descobre CTG no Sul do Estado usado como abatedouro clandestino de carne de cavalo, gado e mula

O alvo foi o CTG Herança do Velho Pai, que já vinha sendo investigado desde maio deste ano e faz parte da “Operação Hefesto”, no Morro da Fumaça, no sul do Estado.  

Os policiais encontraram no local mais de 500 quilos de carne sem procedência. Também havia uma área montada par fazer os sacrifícios ilegais dos animais. Os suspeitos compravam desde animais furtados por ladrões, a gados, cavalos e mulas machucados, velhos ou acidentados.

Além dos funcionários do local, como o açougueiro, era um negócio de família.  O pai, dono do CTG, e os dois filhos, participavam venda ilegal. Depois de abater os animais, eles tiravam a carne, moíam e vendiam como própria para consumo.

De acordo com o delegado do caso, Ulisses Gabriel, essas práticas criminosas de abate são comuns no Morro da Fumaça, mas que o furto de animais é um crime difícil de apurar e de solucionar.

No CTG Herança do Velho Pai, a Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão. Agora, o próximo passo das investigações é identificar o destino das mercadorias, quem sãos as pessoas que compravam a carne.

Foto: Divulgação / Polícia Civil

One Comment

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *