Homem se passa por tenente da PM para aplicar golpe em lanchonete de Timbó

Um gerente de uma lanchonete em Timbó informou à polícia que caiu em um golpe aplicado por um homem que disse ser tenente da Polícia Militar. Segundo o denunciante, o homem ligou para lanchonete solicitando lanches e pediu o telefone do entregador porque seria necessário passar uma senha de acesso ao batalhão da PM.

Logo depois, o homem que se passava por um tenente da PM voltou a ligar, disse que o batalhão estaria sem internet e solicitou que o gerente fizesse recarga em algumas linhas de celular, que na entrega do lanche seria reembolsado. Foram feitas recargas em três números de telefone com código DDD 67, da região de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, no valor de R$ 400.

Somente quando o funcionário da lanchonete chegou no batalhão e encontrou o local fechado foi que se deu conta de que se trava de um golpe.

Caso semelhante aconteceu em Gaspar. Um homem ligou se passando por policial militar, solicitou marmitas e pediu para que o proprietário colocasse crédito em um número de telefone celular. Mas, nesse caso, o proprietário, antes de atender o pedido, foi até a PM verificar a veracidade da solicitação, quando foi informado que era um golpe.    

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *