WHATSAPP DA CLUBEClique e entre no grupo de notícias da Rádio Clube

Blumenau passa aplicar vacinas contra a gripe e sarampo sem agendamento

A partir desta segunda-feira, 23, Blumenau vai dispensar a necessidade de agendamento para os públicos que compõem as campanhas de vacinação contra gripe e sarampo. A vacinação ocorre nas unidades Estratégia de Saúde da Família (ESF) ou Ambulatórios Geral da Família (AGF) com sala de vacina ativa.

A lista com as unidades que possuem sala de vacina ativa está disponível no site da prefeitura. Por uma questão técnica, o AGF Fortaleza não faz parte das campanhas contra gripe e sarampo.

Foto: Marcelo Martins

Conforme a orientação do Ministério da Saúde, as duas campanhas contra a gripe e o sarampo que iniciaram no dia 4 de abril seguem até o dia 3 de junho para os públicos específicos. Pessoas acima de 12 anos não precisam respeitar intervalo de 15 dias entre aplicação das vacinas contra gripe e Covid-19.

Mutirão de vacinação

Neste sábado, dia 21, cerca de 40 unidades ESF e AGF estiveram abertos para mais um mutirão de vacinação contra a gripe, Covid-19 e outras doenças. As equipes da Secretaria de Saúde aplicaram cerca de 7,4 mil vacinas em um único dia.

Foram feitas aproximadamente 3,6 mil aplicações de vacina contra a gripe e cerca 2 mil contra o Coronavírus, incluindo a 4ª dose em pessoas com 60 anos ou mais. Além disso, outras 1,8 mil vacinas foram aplicadas em pessoas que aproveitaram a oportunidade para colocar o esquema vacinal em dia. Cerca de 20 tipos de vacinas contra diversas doenças estiveram à disposição da população.

Vacinação contra Covid-19

Blumenau segue disponibilizando a primeira e segunda dose contra a Covid-19 em adultos e crianças. A aplicação da segunda dose de reforço (4ª dose) em pessoas acima de 60 anos superou as expectativas e para dar sequência na imunização deste público o município aguarda o envio de novo quantitativo de doses nos próximos dias pelo Governo do Estado.

Na última sexta-feira, dia 20, Blumenau ampliou a aplicação da segunda dose de reforço (4ª dose) em pessoas acima de 60 anos. A dose é destinada àqueles que receberam o primeiro reforço (3ª dose) há mais de 4 meses.

A ampliação do novo público atende a orientação do Ministério da Saúde. As vacinas utilizadas para a aplicação da 4ª dose podem ser Pfizer, AstraZeneca ou Janssen, de acordo com a disponibilidade dos municípios.