Rádio Clube De Blumenau Em 72 horas, trânsito em Blumenau registra 16 acidentes e GMT aborda 12 condutores embriagados nos cinturões noturnos ⋆ Radio Clube de Blumenau Rádio Clube De Blumenau
AO VIVO
Sexta-feira, 17 de setembro de 2021 -

Em 72 horas, trânsito em Blumenau registra 16 acidentes e GMT aborda 12 condutores embriagados nos cinturões noturnos

Desde o dia 22 de fevereiro, a Prefeitura de Blumenau, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (Seterb), retomou as fiscalizações de trânsito com os cinturões noturnos. As ações são desenvolvidas todos os dias pela Guarda Municipal de Trânsito (GMT), em vias de ligação entre os bairros de Blumenau. Desde sexta-feira, dia 26, até o último domingo, dia 28, 505 condutores foram abordados em diversos pontos do município. Nessas fiscalizações, 383 motoristas foram submetidos ao teste de alcoolemia, sendo que 12 condutores apontaram positivo para embriaguez ao volante.  

No mesmo período foram registrados no município 16 acidentes, sendo 11 com gravidade. Estas ocorrências resultaram em 14 vítimas que precisaram receber atendimento médico no local ou tiveram que ser encaminhadas para hospitais da cidade. Além disso, um jovem de 25 anos veio a óbito no hospital, após se envolver em um acidente na madrugada de sábado.

De acordo com o diretor de trânsito da Seterb, Jaílson Rogério Candido, pelo segundo fim de semana seguido foram registrados casos de embriaguez ao volante e também de acidentes com maior gravidade. “A atuação dos agentes de trânsito nos cinturões é essencial para que a população respeite as normas, mas é preciso que a população tenha consciência no trânsito e evite acidentes que resultam em internações ou até mortes, que são evitáveis”, reforça.

No fim de semana passado foram 14 condutores que apontaram positivo para embriaguez ao volante. Além disso, foram registrados 24 acidentes, sendo 15 com gravidade, resultando em 18 vítimas que precisaram receber atendimento médico no local ou tiveram que ser encaminhadas para hospitais.

Jaílson reitera que o intuito das fiscalizações não é multar, mas evitar que o sistema de saúde fique sobrecarregado, ainda mais na atual situação causada pela pandemia do Coronavírus. “O aumento de pacientes vindos de acidentes de trânsito é preocupante, pois são internações evitáveis, que ocupam leitos de UTI e enfermaria, que poderiam estar à disposição de pacientes com Covid-19”, completa.

COMENTAR COM O FACEBOOK:
Não temos controle sobre os comentários pelo Facebook

Comentar sem o Facebook

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

?