Rádio Clube De Blumenau Vacinação contra a gripe inicia em Blumenau ⋆ Radio Clube de Blumenau Rádio Clube De Blumenau
AO VIVO
Domingo, 18 de novembro de 2018 -

Vacinação contra a gripe inicia em Blumenau

 

Começou nesta segunda-feira, dia 23, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe Influenza. Em Blumenau, 62 unidades de saúde (sete Ambulatórios Gerais e 55 ESFs) realizarão a imunização dos grupos prioritários até 1º de junho, de segunda a sexta-feira, conforme os respectivos horários de funcionamento das salas de vacina. São elegíveis para a vacinação 106.641 pessoas que residem no município. A meta é imunizar ao menos 90% deste contingente, ou seja, 96 mil pessoas, contra os vírus A (H1N1e H3N2) e B.

Podem procurar a vacinação em um dos postos de saúde idosos com mais de 60 anos; crianças maiores de seis meses e menores de cinco anos; gestantes; puérperas (até 45 dias após o parto); trabalhadores da saúde; professores das redes pública e privada; povos indígenas; adolescentes acima de 12 anos sob medidas socioeducativas; população privada de liberdade; funcionários do sistema prisional; e portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas especiais. A vacina é contraindicada para crianças menores de seis meses e cidadãos com histórico de reação alérgica grave à proteína do ovo.

No dia 12 de maio, um sábado, será realizado o “Dia D” de mobilização nacional, ocasião em que todas as unidades de saúde, inclusive aquelas que não contam com sala de vacina, ficarão abertas das 8h às 17h. É necessária a apresentação da caderneta para registro da aplicação e verificação de vacinas em atraso.

Serviço
Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe Influenza
Período: de 23 de abril até 1º de junho, com o “Dia D” marcado para 12 de maio.
Quem tem direito à vacinação na rede pública:
– idosos com mais de 60 anos;
– crianças maiores de seis meses e menores de cinco anos;
– gestantes;
– puérperas (até 45 dias após o parto);
– trabalhadores da saúde (devem apresentar o registro no conselho da categoria ou o último holerite para comprovação do exercício da profissão);
– professores das redes pública e privada (precisam apresentar o último holerite para comprovação do exercício da profissão);
– povos indígenas;
– adolescentes acima de 12 anos sob medidas socioeducativas;
– população privada de liberdade;
– funcionários do sistema prisional;
– portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas especiais (precisam apresentar prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina).

COMENTAR COM O FACEBOOK:
Não temos controle sobre os comentários pelo Facebook

Comentar sem o Facebook

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

?