Quarta-feira, 16 de agosto de 2017 -

Ministério do Trabalho já recebeu quase sete mil denúncias de FGTS irregular

Compartilhe

Desde que o governo anunciou a liberação de contas inativas do FGTS já foram feitas quase sete mil denúncias de irregularidades.

O Ministério do Trabalho recebeu, no total, 6934 queixas. Elas foram registradas no período de 23 de dezembro a 15 de março. Uma em cada três se referiam a irregularidades no FGTS. São Paulo foi o Estado com o maior número de queixas, seguido de Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná.

Mas o chefe da Divisão de Fiscalização do FGTS, do Ministério do Trabalho, Joel Darcie, afirma que o número de brasileiros prejudicados deve ser bem maior. Isso porque algumas denúncias podem ser de sindicatos, que representam um grande número de trabalhadores. Se a pessoa constatar que o FGTS não foi depositado corretamente é possível denunciar a empresa sem se identificar. É só procurar o sindicato da categoria ou uma unidade do Ministério do trabalho.

Compartilhe
COMENTAR COM O FACEBOOK:

Comentar sem o Facebook

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *