Rádio Clube De Blumenau Faema orienta sobre denúncia de cortes irregulares de árvore ⋆ Radio Clube de Blumenau Rádio Clube De Blumenau
AO VIVO
Quinta-feira, 03 de dezembro de 2020 -

Faema orienta sobre denúncia de cortes irregulares de árvore

foto 02

A Fiscalização Ambiental no município de Blumenau é realizada pela Fundação do Meio Ambiente (Faema) por meio da Gerência de Fiscalização. O setor atua no atendimento às denúncias da população. A gerência também dá suporte e garantia à continuidade do licenciamento ambiental, realizando vistorias e demais procedimentos relativos à verificação do atendimento às condicionantes das licenças.

Uma das áreas de atuação da gerência é a fiscalização de cortes irregulares de árvores. Para denunciar ocorrências deste tipo, a Faema orienta a população para informar o caso pela Ouvidoria, no telefone 156. No momento de denúncia é necessário fornecer o máximo de informações para que o caso possa ser investigado.

Após receber a denúncia, a Fundação confronta os dados para verificar se existe uma licença de corte ou não para o caso. Se a licença não existir ou tiver o período de validade terminado, a gerência então pode notificar e autuar o denunciado. São 10 fiscais que atuam em todas as regiões do município. Somente neste primeiro semestre de 2016 foram cerca de 50 notificações e mais de 20 multas emitidas para estes casos.

Conforme explica o gerente de Fiscalização, Ricardo Sieves, o valor da multa varia de acordo com a situação. “A multa sempre vai levar em consideração o tipo de árvore, além da quantidade e também o local que está ocorrendo o corte irregular”, explica.

Faema emite licença de corte
Se tratando de árvores de risco em áreas públicas, a solicitação de corte deve ser registrada através da Ouvidoria ou e-mail sac@blumenau.sc.gov.br. Os casos são avaliados pela Gerência de Recursos Naturais, antes de serem emitidas as licenças. Havendo risco iminente à comunidade, a solicitação pode ser feita diretamente na Defesa Civil, por meio do telefone 199.

COMENTAR COM O FACEBOOK:
Não temos controle sobre os comentários pelo Facebook

Comentar sem o Facebook

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

?