Rádio Clube de Blumenau
Domingo, 30 de abril de 2017 -

Ministério da Agricultura identifica 45 marcas de azeite fraudados

Compartilhe
FacebookWhatsAppFacebook MessengerTelegramTwitterGoogle+SMSEmailCopy Link

O Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) identificou irregularidades em 45 marcas de azeite entre 140 coletadas nos últimos dois anos. As amostras foram colhidas em 12 estados e no Distrito Federal, num total de 322.329 litros, dos quais 114.750 litros estão em conformidade e 207.579 litros com problemas. A equipe de fiscalização inspecionou 279 amostras de 214 lotes. Do total, 38,7% dos lotes tinham problemas e 79% das irregularidades eram relacionadas a baixa qualidade. A fraude mais comum praticada por empresas envazadoras é a adição de outros óleos vegetais ao azeite.

As fraudadoras foram autuadas, multadas em até R$ 532 mil por irregularidade encontrada e os produtos foram apreendidos para descarte. Segundo o secretário de Defesa Agropecuária do Mapa, Luis Rangel, os resultados obtidos com a fiscalização do azeite de oliva demonstram a eficiência das ações de fiscalização, evitando que esses produtos cheguem à mesa do consumidor. Entre as marcas que apresentaram irregularidades estão a Astorga, Carrefour, Almeirim, Conde de Torres, entre outras. E entre as marcas que passaram nos testes, encontram-se Andorinha, Aro, Apolo, Borges, Belo Porto, Carrefour Discount e outras.

A fiscalização de azeite de oliva foi intensificada, desde a semana passada, com coleta de amostras direcionadas às empresas que apresentaram irregularidades nos últimos dois anos. Segundo o Mapa, na primeira semana deste mês, foram recolhidos 243 mil litros do produto com suspeita de fraude. Segundo dados do Comitê Oleícola Internacional (COI), o Brasil é o terceiro maior importador de azeite de oliva do mundo. No ano passado, o país importou cerca de 50 milhões de toneladas do produto.

Compartilhe
FacebookWhatsAppFacebook MessengerTelegramTwitterGoogle+SMSEmailCopy Link
COMENTAR COM O FACEBOOK:

Comentar sem o Facebook

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *