Rádio Clube De Blumenau Secretaria de Estado da Saúde investirá R$ 3 milhões em mutirão de cirurgias ⋆ Radio Clube de Blumenau Rádio Clube De Blumenau
AO VIVO
Quarta-feira, 16 de outubro de 2019 -

Secretaria de Estado da Saúde investirá R$ 3 milhões em mutirão de cirurgias

A Secretaria de Estado da Saúde vai investir em torno de R$ 3 milhões na realização de um mutirão de cirurgias para reversão de pacientes ostomizados, pessoas que por diferentes motivos precisam conviver com uma bolsa externa para fezes e urina. Os procedimentos devem ocorrer a partir de agosto, mas a realização de exames devem começar já neste mês. Mais de 1,5 mil pacientes deverão ser beneficiados no Estado. “Esse mutirão vai resolver a situação de pessoas que desde 2010 esperam pela cirurgia”, ressalta o secretário de Estado da Saúde, João Paulo Kleinübing.

A execução do plano de atendimento depende de deliberação pela Comissão Intergestora Bipartite (CIB), mas já foi apresentado a entidades de pacientes ostomizados e ao Ministério Público de Santa Catarina. Atualmente, cerca de três mil pessoas recebem bolsa de ostomia do Estado, mas a estimativa inicial é que 1.584 possam se submeter à reversão. “Isso representa uma verdadeira libertação da escravidão de ter uma bolsa presa ao corpo 24 horas por dia”, avalia a promotora Sônia Piardi.

“Queremos, no período de um ano, zerar a fila de cirurgia de reversão de ostomia no Estado. Esse mutirão que vamos realizar envolve desde a complementação e atualização de exames até a realização das cirurgias. Para isso, estamos cadastrando hospitais e avaliando estruturas para oferecer aos pacientes uma forma que se desloquem o menos possível dentro de suas regiões”, ressalta o secretário Kleinübing.

O atendimento aos pacientes começará nas próximas semanas e vai englobar a avaliação em consulta especializada, o exame de colonoscopia e a cirurgia, caso ainda seja recomendada. Uma das dificuldades encontradas até o momento, segundo a superintendente de Serviços Especializados e Regulação da Secrtaria de Estado da Saúde, Lúcia Schultz, reside na falta de repasse dos dados dos pacientes que recebem bolsas de ostomia, comprometendo o encaminhamento dos pacientes à cirurgia.

Os representantes das associações se dispuseram a auxiliar as regionais de Saúde na elaboração das relações de candidatos à reversão de ostomias e na capacitação dos profissionais de saúde para a colocação e higienização das bolsas. Interessados também podem procurar as secretarias municipais e gerências regionais de Saúde.

Foto 01

COMENTAR COM O FACEBOOK:
Não temos controle sobre os comentários pelo Facebook

Comentar sem o Facebook

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

?