Rádio Clube De Blumenau Dia D para Imunização contra a Influenza será neste sábado ⋆ Radio Clube de Blumenau Rádio Clube De Blumenau
AO VIVO
Quarta-feira, 03 de março de 2021 -

Dia D para Imunização contra a Influenza será neste sábado

Neste sábado, dia 4 de maio, será realizado o Dia “D” – de divulgação e mobilização nacional da vacinação, onde todas as unidades de saúde do município – Estratégia Saúde da Família (ESF) e Ambulatórios Gerais, estarão vacinando os públicos-alvos das 8h às 17h. A campanha segue até 31 de maio.

As equipes da Secretaria Municipal de Promoção da Saúde de Blumenau já aplicaram, nesses primeiros 20 dias da Campanha Nacional de Imunização contra a Influenza, 22.459 doses da vacina. A meta do Ministério da Saúde (MS) para Blumenau é imunizar 90% de um total de 111.031 pessoas dos grupos prioritários.

No início da campanha foi dada prioridade para crianças acima de seis meses e menores de seis anos, além de gestantes e puérperas, que são mulheres no período de até 45 dias após o parto. Desde o dia 22, os demais grupos, que incluem pessoas acima de 60 anos; trabalhadores da saúde; professores das escolas públicas e privadas e portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, também podem procurar uma das 47 salas de vacina do município.

A orientação é de que os idosos levem documento de identidade que comprove a idade; professores tenham em mãos folha de pagamento recente; trabalhadores de saúde apresentem carteira de registro profissional ou último holerite. Os portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais devem apresentar prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina, independente da idade. Pacientes já cadastrados em programas de controle de doenças crônicas do SUS devem se dirigir até as unidades onde fazem acompanhamento, para receber a vacina.

Casos de H1N1 em Blumenau

Atualmente Blumenau já notificou, por meio da Vigilância Epidemiológica, 22 casos suspeitos de Influenza, dos quais 18 foram descartados. Dois exames ainda aguardam resultado e dois casos de H1N1 foram confirmados em 2019. O primeiro caso foi registrado em fevereiro deste ano, de um homem com mais de 60 anos que viajou para o exterior, contraiu o vírus nos Estados Unidos, e se recuperou da gripe.

O segundo caso confirmado ocasionou a morte de uma mulher de 79 anos, que tinha doenças crônicas, estava internada na UTI do Hospital Santa Isabel e faleceu no último domingo, dia 28. A notificação de suspeita de gripe foi feita no dia 15 e o resultado positivo foi recebido na última sexta-feira. Moradora do bairro Garcia, a senhora havia se vacinado no ano passado contra a influenza.

Em 2018 o município teve 93 casos notificados suspeitos de Síndrome Respiratória Aguda Grave. Desses, 22 casos foram confirmados para vírus influenza A (H1N1 e H3N2), e duas mortes em decorrência da doença, um adulto e uma criança menor de 2 anos.

COMENTAR COM O FACEBOOK:
Não temos controle sobre os comentários pelo Facebook

Comentar sem o Facebook

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

?